Não é bom que o homem esteja só.


  •  
  •  
  •  

Desde o início Deus se preocupou em dar ao homem uma família. No relato do Gênesis, temos Deus diante do jardim do Éden, do homem e de todas as coisas que acabara de criar, a mostrar grande preocupação em chamar a mulher à existência, para não deixar o homem só. Deus declarou: – “Não é bom que homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e lhe corresponda” (Gn 2.19, NVI).

Deus espera que vivamos em família e que aprendamos a nos relacionar uns com os outros em amor. Mas não há nada de errado em apreciar momentos de isolamento ou solitude, muitas vezes tão necessários para uma boa conversa com a própria alma. Uma coisa é certa, Deus não fez o homem para andar só pelo mundo, nem o abandonou à própria sorte, depois que o pecado ingressou na raça humana. Deus nos chama para viver em família com Ele e para vivermos em família com nossos parentes e amigos. Na grande Família Cristã, formada por todos aqueles que conheceram a Salvação de Jesus Cristo, o Filho do Deus vivo, encontramos gozo e paz. E Deus também nos chama para vivermos em família nesta terra, em que somos forasteiros e peregrinos, a caminho do lar celestial. Família é onde desenvolvemos o amor recíproco, a ajuda mútua e o crescimento espiritual abrangente. Família pode passar por momentos conturbados e de dificuldades, mas sempre será abrigo seguro, fonte de inspiração, renovação e proteção. É organismo vivo que abriga a todos e abençoa os seus integrantes. É um bem que não pode faltar na vida de ninguém, pois completa e dá sentido à própria. vida.

Bem, se por alguma razão hoje você não tem a sua família biológica ou afetiva, saiba que jamais poderá ser privado de acesso à Família Cristã, a grande família de Deus. O chamado para você se integrar à Família de Deus é inderrogável. Deus chamou ontem, chama de novo hoje e chamará amanhã. O convite é permanente. Sempre tem lugar para mais um pecador arrependido na Família de Deus. Jesus diz que você tem de conhecê-lo para conhecer o Pai e clama: – “Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei descanso” (Mateus 11:27-28). Se você tem a sua família de sangue ou afetiva, seja grato a Deus e procure de alguma forma dar a sua contribuição para melhor funcionamento de sua família. Todos ganharão com isso. Você pode aplicar alguns princípios bíblicos extraídos de Romanos 12: “Alegrem-se na esperança, sejam pacientes na tribulação, perseverem na oração. Compartilhem o que vocês têm. Pratiquem a hospitalidade. Abençoem aqueles que os perseguem. Alegrem-se com os que se alegram; chorem com os que choram. Não sejam orgulhosos. Não sejam sábios aos seus próprios olhos. Não retribuam a ninguém mal por mal. Procurem fazer o que é correto aos olhos de todos. Façam todo o possível para viver em paz com todos”.

Não é bom que o homem esteja só. “É melhor ter companhia do que andar sozinho, porque maior é a recompensa do trabalho de duas pessoas. Se um cair, o amigo pode ajudá-lo a levantar-se” (Eclesiastes 4: 9-10). Valorize a sua família. Construa boas amizades e seja amoroso nos relacionamentos. E se ainda não se integrou à Família Cristã, procure um grupo de cristãos ou uma igreja. A porta sempre estará aberta.

AMILTON ALVARES, SJC 30-04-2022

Publicação: Portal do RI (Registro de Imóveis) | O Portal das informações notariais, registrais e imobiliárias.

Para acompanhar as notícias do Portal do RI, siga-nos no twitter, curta a nossa página no facebook e/ou assine nosso boletim eletrônico (newsletter), diário e gratuito.